Passam por mim, sinto-lhes os passos...no ar a suas respirações e nem por isso uma palavra. Mas existem, são os outros. São gentes...gentes que cruzam o meu caminho e em mim deixaram o seu rasto.
Partes de mim, silêncios meus e até sombras de uma vida...

Um lugar, várias histórias e uma imensidão de palavras constituem a verdadeira essência das"Gentes" da minha terra.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

O Regresso da Escrita


Depois do “ Outro Lado da Linha” senti necessidade de voltar a escrever, senti falta das minhas palavras…do meu ser. Procurei em mim uma ideia, algo que me fizesse criar, mas durante alguns dias não consegui pensar em nada de relevante.

Durante algum tempo imaginem a minha vida como um filme, eu, a personagem principal e os outros, meros figurantes. Tudo na vida se centrava em mim, nos meus gestos, nas minhas atitudes, nas minhas palavras. Os outros? Eram sombras, pequenos vultos que me transportavam para outros lugares, para outros momentos. Mas esta imagem não passou de uma alucinação, pois quem seria eu sem que os outros agissem? Pouco ou nada, apenas alguém a deambular, alguém a seguir os seus próprios passos em direcção a algum lugar.

Quem sou eu? Um ser social (por vezes até demais) que vive e convive todos os dias com os seus semelhantes, e por vezes com os seus opostos. Sou alguém, mais uma, uma pequena gota num mar repleto de gente. Parte integrante de uma história, mas não a sua verdadeira protagonista.

Voltar a escrever foi uma necessidade, mas não queria algo demasiado íntimo. Então nasceu “Gentes da minha terra”, um espaço de todos, um espaço dos outros, um espaço meu. Um lugar onde as historias ganham vida e onde cada momento ganha rosto. Aqui vou falar de todos aqueles que por algum motivo contribuíram para minha história, aqueles mais importantes e até mesmo os insignificantes. Não vou usar os seus nomes, pois não importam…vão ser apenas registos das suas experiências, das nossas experiências…

Se será interessante? Não sei…

Se será importante? Para mim…

Mas uma coisa é certa…será uma homenagem, será por vezes uma revolta, e quem sabe até mesmo uma critica…

Até Breve!

5 comentários:

Flávio disse...

boa sorte para esta nova aventura na blogosfera :)

vania disse...

Hum...interessante! Fiquei curiosa...fico à espera de novos "capítulos"! :P

Lyla disse...

Obrigado pelo vosso apoio!Prometo não vos desiludir com estas novas aventuras.

Até breve!

Ricardo Mendes disse...

Estou ansioso por ir acompanhando as pripécias do dia-a-dia... :D

Bom regresso miúda. Quero ver-te a trepar por aqui acima com muita garra e criatividade!

Love you*

Amado disse...

Mesmo insignificantes, gotas deste imenso mar, deixam de o ser a partir do momento em que fazem parte integrante de uma história, a tua história.

Mas não estamos todos ligados entre nós, contribuindo para uma história em comum? A "Evolução Humana".

Boa escrita ;-)